terça-feira, 30 de novembro de 2010

Xô tristeza. VAMOS CELEBRAR!

O dia de ontem foi muito chato. Recebi uma notícia que me deixou preocupada e um pouco triste.
Hoje, a mesma coisa. Meio deprê, meio sem saco, sei lá... odeio final de ano, gente. Detesto. Aí vem uma notícia preocupante e piora tudo.
Chorei ontem e hoje me segurei. No metrô, algumas lágrimas me escaparam. Mas eu estou sabendo superar. Eu sei que tudo vai dar certo e já estou pedindo muito para que o melhor aconteça!

Hoje, pra aliviar, cheguei em casa e coloquei uma música bem alegre no volume máximo. Aquela capaz de te fazer sorrir e analisar que a vida vale a pena. É essa:




"Eu gosto de andar pela rua
bater papo, de lua e de amigo engraçado
Eu gosto do estilo do Zorro
o visual lá do morro e de abraço apertado
Eu gosto mais de bicho com asa
mais de ficar em casa e mais de tênis usado
Eu gosto do volume, do perfume
do ciúme, do desvelo e do cabelo enrolado

Eu gosto de artistas diversos
de crianças de berço e do som do atchim
Eu gosto de trem fora do trilho
de andar com meu filho e da cor do marfim
Tem gente, muita gente que eu gosto
que eu quase aposto que não gosta de mim
Eu gosto é de cantar

Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar
Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar

Eu gosto de artista circense
de artista que pense e de artista voraz
Eu gosto de olhar pra frente
de amar pra sempre o que fica pra trás
Eu gosto de quem sempre acredita
a violência é maldita e já foi longe demais
Eu gosto do repique do atabaque
do alambique badulaque do cachimbo da paz

Eu gosto de inventar melodia
da palavra poesia e de palavra com til
Eu gosto é de beijo na boca
de cantora bem rouca e de morar no Brasil
Eu gosto assim do canto do povo
e de tudo que é novo e do que a gente já viu
Eu gosto é de cantar

Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar
Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar

Eu gosto de atores que choram ali por nós
e namoram ali por nós na TV
Eu gosto assim de quem é eterno
de quem é moderno e de quem não quer ser
Eu gosto de varar madrugada
de quem conta piada e não consegue entender
Eu gosto da risada gargalhada
da beleza recriada pra que eu possa rever

Eu gosto de quem quer dar ajuda
e acredita que muda o que não anda legal
Eu gosto de quem grita no morro
que a alegria é socorro e que miséria é fatal
Eu gosto do começo do avesso
do tropeço do bebum que dança no carnaval
Eu gosto é de cantar

Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar
Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar

Eu gosto é de ver coisa rara
a verdade na cara é do que gosto mais
Eu gosto porque assim vale a pena
a nossa vida é pequena e tá guardada em cristais
Eu gosto é que Deus cante em tudo
e que não fique mudo morto em mil catedrais
Eu gosto é de cantar

Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar
Vamos celebrar, celebrar, celebrar... Vamos celebrar"

Vamos Celebrar - Oswaldo Montenegro

3 comentários:

  1. Amiga, não importa o que seja, tenha fé em Deus e força na peruca que nada acontece sem a permissão Dele certo? Precisando, to sempre por perto!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Branquela, um dia após o outro, que td dá certo. Tô aqui tá. bjks

    ResponderExcluir

Senta o dedo aí!