domingo, 28 de junho de 2009

(*) Você não bota uma fé, mas eu vou atrás....


A vida é louca. Sim, é louca mesmo. E é isso que a torna tão fantástica.
Quando é que eu poderia imaginar a hipótese de voltar àquela empresa? Jamais pensaria que lá eu iria ter gosto de trabalhar com assessoria de imprensa novamente.

Depois de uma breve temporada trabalhando em produção de TV, eu não queria fazer nada diferente disso. E achava que nunca mais iria fazer outra coisa com o mesmo gosto.
Não tem como esconder, trabalhar com televisão é demais. É correria, é pauleira, mas as pessoas se unem, se ajudam e se esforçam pra tudo dar certo na hora de colocar um programa no ar. Nessa época, conheci as melhores pessoas do mundo, fui feliz e realizada na profissão. Só guardo boas lembranças desse período. Lembranças boas e amizades que guardo no coraçãoaté até hoje (Nelita, Andréa, Gisele, André, Justa, Rodrigo, João Gabriel, Pirulito...)

Eu sofri muito na hora de abrir mão desse sonho. De verdade! Eu amava fazer aquilo tudo, mas acabou. Eu tive que me render e trabalhar com aquilo que eu sabia. 
Voltei, com um aperto no meu coração, querendo morrer, me perguntando se eu precisava passar por tudo aquilo de novo. 
Voltei. 
Acho que eu precisava mesmo. Só hoje eu vejo isso.
Sei que no segundo dia de trabalho eu já não queria mais aquilo. Já estava passando nervoso e me incomodando. A minha cabeça estava 100% centrada em TV.
O meu problema não era só o trabalho, era a maneira que eu era comandada. Enfim... 
Mas eu segurei a onda. Fui forte. 
Só Deus, meu pai e meu irmão sabem o quanto eu sofri, o quanto eu segurei a barra. Cansei de chegar esgotada, chorando em casa...

Tudo mudou. Eu decidi mudar, arriscar. 
Recomecei em outro lugar.

Mas meus caminhos mudaram de novo. Agora. Aconteceu algo que eu cheguei a cogitar.
Não é nada ligado a TV, mas é algo muito melhor.
Sinto que aos poucos a minha vida se ajeita. E isso é apenas o começo!
E tudo isso aconteceu pq eu me submeti a recomeçar, a engolir sapos, a superar meus problemas. Minha mudança partiu de dentro daquele lugar onde eu não queria ter voltado...

Ás vezes, nós não entendemos e não aceitamos muitas coisas que a vida nos reserva. Mas lá na frente, tudo se encaixa, tudo faz sentido. É preciso ter paciência, força de vontade e FÉ! E essa é a palavra da minha vida.
Eu tenho FÉ!

"Eu vou procurar, sei que vou encontrar / Eu vou procurar, eu vou procurar / Você não bota uma fé, mas eu vou atrás / Da minha Fórmula Mágica da Paz"

3 comentários:

  1. É isso aí, Ninaaaaaa.
    A vida é louca. A vida é engraçada.
    Sucesso nessa nova empreitada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. o que é nosso sempre está guardado. basta ter paciencia. e você teve, eu sei que teve. e agora chegou a hora. é daí pra sua tour de france gata

    ResponderExcluir
  3. roberta nina galisteu so te digo uma coisa vc é inteligente linda loura e aquariana e tenho certez que vc irá se dar bem.

    não se desespere e tenha fé é isso ai lindona

    espero que vc seja feliz nesse novo lugar

    bjs

    ResponderExcluir

Senta o dedo aí!