terça-feira, 5 de maio de 2009

Não à Cortina

17h30. O sol está se pondo. Ele tá se movendo.
E por alguns instantes (que parecem uma eternidade), os raios solares entram pela sala, invandindo, incomodando e cegando a minha visão.

Tudo isso ocorre pq a pessoa é contra ter uma cortina! Vê se pode...
Custa por a parada aqui? Você abre (ou sobe) a cortina de dia e de tardezinha, quando o sol bater forte, você a abaixa só por alguns minutinhos.

Gente, eu quero morrer. Odeio esse momento Cátia Cega. Acho o fim.

Eu já sou birolha, olho fixamente pra um computador o dia todo e ainda tenho que ser atingida por raios solares? Não me conformo!

Nem no banheiro tem cortina! Ou seja, sua xixa não vale nada tb.
O que tem as pessoas do prédio da frente te verem mijando? Nada né? Super normal!

Fica aqui meu desabafo. Eu ia listar uma série deles, mas vou me resumir à apenas este.
Não está sendo fácil...
.





4 comentários:

  1. Olha minha mesa do seu ladinho!!!
    Nunca ouvi ninguém dizer que cortina é coisa de pobre. Coisa de pobre é mijar de porta aberta, ver a faxineira alheia varrer tapete. Aliás, isso é coisa de mexiriqueiro. Aliás, vou tb deixar meu desabafo: eu tb não sou obrigada a ver o bilau dakele velho do prédio da frente balangando toda vez q vou mijar... pq o infeliz tb deve achar cortina desnecessário, assim como as roupas de baixo!!! SOCORRO!

    ResponderExcluir
  2. e eu que fico contra-luz, certeza que é porque eu sou fotógrafa né hahahahha. odeio porque eu não consigo trabalhar, fora que queima minhas costas. humpf.

    ResponderExcluir
  3. Meooooo, sua patroa não lê isso???
    hahahahahaha

    ResponderExcluir
  4. Não está sendo fácil... não está sendo fáácil... não está sendo fácil viver assim, você está grudado em mim...

    ResponderExcluir

Senta o dedo aí!